Notícias

Mulher faz alerta ao achar que câncer era picada de mosquito

Uma história curiosa e que resultou em conscientização veio diretamente do TikTok, onde Molly Kelly, também conhecida como HR_Molly, compartilhou uma batalha que enfrentou nove vezes ao longo de sua vida: o câncer de pele. Molly, uma especialista em recursos humanos, fez um alerta aos seus seguidores, detalhando os desafios que enfrentou ao confundir tumores com picadas de inseto ou espinhas.
Foi apenas cinco anos atrás que Molly começou a suspeitar de algo mais sério quando uma das manchas começou a sangrar. Foi então que um sinal em sua perna e outro na parte superior do lábio foram diagnosticados como câncer de pele.CONTEÚDOS RELACIONADOS: Tecnologia contra câncer de pele é aprovada para uso no SUSMulher desenvolveu câncer de pele após fazer unhas em salão
Molly, agora com 40 anos, utiliza sua plataforma no TikTok para conscientizar seus seguidores sobre a importância da detecção precoce e da prevenção do câncer de pele. Em um de seus vídeos, ela enfatiza: “Você não precisa de muita exposição ao sol para ter câncer de pele. Independentemente da tez da sua pele ou do seu histórico familiar, consulte um dermatologista se tiver acesso.”
O tratamento de Molly para o câncer de pele recorrente envolve uma série de procedimentos, incluindo microagulhamento, tratamentos a laser, procedimentos faciais e até mesmo botox para reduzir cicatrizes. Além disso, ela adotou medidas rigorosas de proteção solar e evita a exposição ao sol sempre que possível.

Fonte: DOL – Diário Online – Portal de NotÍcias 

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo