27.9 C
Breves
26.9 C
Soure

Hospital Regional do Sudeste do Pará promove conscientização sobre fibromialgia

Hospital Regional do Sudeste do Pará promove conscientização sobre fibromialgia

A doença é uma condição crônica sem cura, que afeta 2,5% da população mundial

Em alusão ao “Fevereiro Roxo”, o Hospital Regional do Sudeste do Pará – Dr. Geraldo Veloso (HRSP) promoveu nesta quinta-feira (15) ações de conscientização sobre a fibromialgia, doença crônica sem cura que afeta 2,5% da população mundial, segundo a Sociedade Brasileira de Reumatologia.

O diretor executivo do hospital, Flavio Marconsini, salientou a relevância das ações educativas realizadas na unidade do Governo do Pará. As palestras conscientizaram pacientes, acompanhantes e colaboradores sobre a doença.

“A fibromialgia é uma condição ainda pouco conhecida pela população. Nossas ações de conscientização são importantes para que mais pessoas compreendam os sintomas, busquem ajuda e, consequentemente, tenham uma melhor qualidade de vida”, explicou.

As palestras ministradas pela enfermeira Odaires Holanda, que atua na instituição, ofereceram informações abrangentes sobre a fibromialgia, abordando seus sintomas, métodos de diagnóstico e opções de tratamento.

“A doença pode se manifestar de diversas maneiras, mas os sintomas mais comuns incluem dores musculares generalizadas e persistentes, fadiga extrema, sono não reparador, problemas de memória e concentração, alterações de humor, sensibilidade ao toque e rigidez matinal. A condição é mais comum em mulheres entre 30 e 50 anos”, explicou a profissional.

A enfermeira ainda destacou que o tratamento da doença pode incluir medicamentos prescrito por um médico especialista para controlar os sintomas, fisioterapia para melhorar a flexibilidade e força muscular, terapia ocupacional para auxiliar nas atividades diárias, apoio psicológico para lidar com o impacto emocional, praticas de atividades físicas e terapias alternativas como acupuntura e massoterapia.

Sensibilização – As ações educativas no Regional em Marabá integram o projeto “Saúde em Foco”, promovido pelo Serviço de Humanização do hospital, fornece informações sobre saúde à comunidade. A iniciativa percorreu com uma equipe multiprofissional, corredores e unidades de internação, distribuindo informativos e levando esclarecimentos sobre a fibromialgia aos usuários.

Carla Silva, moradora de Marabá, referenciada para consulta ortopédica no hospital, expressou sua gratidão pela iniciativa. “Considero muito valiosas as informações que recebi sobre a fibromialgia, uma doença que eu desconhecia até então. Agora, graças ao que aprendi aqui, pretendo compartilhar esse conhecimento com amigos e familiares, incentivando mais pessoas a procurarem ajuda médica precocemente”, afirmou.

Alan Ferreira, diretor assistencial do hospital, explicou que a iniciativa também faz parte da campanha do “Fevereiro Roxo”, mês dedicado à conscientização da fibromialgia e outras doenças, como o Alzheimer e o lúpus. “Essas doenças apresentam diferenças, mas têm algo em comum: são incuráveis. Por isso, realizar o diagnóstico precoce é um dos principais objetivos da campanha, pois ajuda no controle dos sintomas e na melhoria da qualidade de vida dos pacientes”, destacou.

Perfil – O Hospital Regional do Sudeste pertence ao Governo do Pará e é gerenciado pelo Instituto de Saúde Social e Ambiental da Amazônia (ISSAA), em parceria com a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa). A unidade é referência para procedimentos de média e alta complexidade para mais de um milhão de pessoas, em 22 municípios da região.

Fonte: Ascom/HRSP

📢 Quer ficar por dentro das últimas notícias em primeira mão? Não perca tempo! Junte-se ao nosso canal no WhatsApp e esteja sempre informado. Clique no link abaixo para se inscrever agora mesmo:
- Advertisement -spot_img
- Advertisement -spot_img

Últimas Notícias