Notícias

Universidade expulsa alunos que se masturbaram em jogo

A Universidade Santo Amaro (Unisa) anunciou a expulsão de 6 alunos de Medicina que ficaram nus e simularam atos sexuais durante um torneio esportivo de integração entre calouros e veteranos.
A Unisa afirmou que tomou conhecimento do caso nesta segunda-feira (18) e que, mesmo que “os fatos tenham ocorrido fora das dependências da instituição e sem responsabilidade da mesma sobre tais competições esportivas, aplicou a medida mais severa prevista em regimento” – decidindo expulsar, portanto, todos os alunos identificados até o momento nos vídeos com as cenas absurdas.
O Ministério da Educação também informou que notificou a Universidade Santo Amaro em relação aos atos obscenos feitos durante o torneio esportivo feminino.
Entenda o caso
Estudantes do curso de Medicina da Universidade de Santo Amaro (Unisa) simularam masturbação em grupo durante uma partida de vôlei feminino de competição universitária. 
Apesar das imagens terem viralizado a partir do último domingo (17), o vídeo foi gravado durante os jogos chamados Calomed, que aconteceram em maio deste ano em São Carlos, no interior de São Paulo.
Nas imagens, cerca de 20 homens correm na quadra esportiva com calças e cuecas abaixadas enquanto mexem nas partes íntimas, sugerindo certa “perseguição” às mulheres.
Em outro vídeo, outros jovens na plateia também fingem se masturbar. Segundo relatos de alunos, a “volta olímpica” obscena e imbecil com as roupas arriadas é um evento recorrente nos jogos e acontece quando os estudantes são vitoriosos.

Fonte: DOL – Diário Online – Portal de NotÍcias 

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo