Notícias

Cachorro é achado após anos oculto em pintura de Picasso

Uma descoberta intrigante foi feita em uma pintura de Pablo Picasso, revelando a presença de um cachorro “escondido” que permaneceu desconhecido por anos. Detalhe foi descoberto na obra “Le Moulin de la Galette” do artista que morreu há 50 anosA obra de arte, que remonta ao período azul do artista espanhol, revelou a figura de um cachorro que passou despercebida por muito tempo. Veja também:Antiga Bíblia hebraica é vendida por R$ 189 milhões nos EUAHistoriador diz ter achado ponte que aparece em ‘Mona Lisa'Essa descoberta tem cativado entusiastas de arte e especialistas em Picasso, oferecendo uma nova perspectiva sobre a obra e a criatividade do renomado pintor.  

|

Texto Auxiliar: Alinhamento Texto Auxiliar: Link Externo: Alinhar à esquerda: Alinhar à direita: Alinhar ao centro: Fullscreen: Fullscreen Exit: Conteúdo Sensível:

  A presença do cachorro na pintura adiciona uma camada adicional de significado e intriga à obra, despertando discussões e análises sobre a intenção do artista e os elementos simbólicos que podem estar presentes. Essa descoberta ressalta a natureza sempre surpreendente e em constante evolução da arte, com novas revelações sendo feitas mesmo em obras já consagradas.

Fonte: DOL – Diário Online – Portal de NotÍcias 

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo